Histórias

Reação furiosa de homem ao choro de um bebê no voo provocou um debate depois de se tornar viral

Um voo da Southwest Airlines com destino à Flórida enfrentou atrasos devido ao mau tempo, obrigando o avião a desviar para o Aeroporto Internacional de Orlando. Dentro da aeronave, os passageiros já vivenciavam uma viagem desconfortável e turbulenta quando um homem perdeu a paciência com um bebê chorando, aumentando ainda mais as tensões.

Mark Grabowski filmou todo o incidente enquanto o homem xingava e gritava do seu assento, levando a equipe da companhia aérea a intervir na tentativa de acalmá-lo. O homem exigia que o bebê fosse silenciado e implorava à equipe para resolver o problema do barulho. Eventualmente, uma comissária de bordo decidiu contatar as autoridades.

Reação furiosa de homem ao choro de um bebê no voo provocou um debate depois de se tornar viral 2

O homem gritou: “Vocês podem acalmar a criança, por favor? Eu estava de fones de ouvido. Estava dormindo!” antes de iniciar um discurso repleto de palavrões. Mesmo após o choro do bebê cessar, o homem continuou sua diatribe. A equipe da companhia aérea acabou dando um ultimato ao passageiro irritado.

Ao pousar no Aeroporto Internacional de Orlando, o homem teve a opção de desembarcar voluntariamente ou ser removido à força após todos os outros passageiros deixarem o avião. A polícia de Orlando escoltou o homem para fora da aeronave, mas nenhuma prisão foi efetuada.

A Southwest Airlines emitiu uma declaração elogiando o profissionalismo da equipe no gerenciamento da difícil situação e pedindo desculpas aos passageiros pelo transtorno causado pelo comportamento do homem.

@sanilarena#duet with @mjgrabowski Adults who lose their cool over babies crying on a plane will never not look goofy to me. You think kids are crying to intentionally annoy people? Lol. Your old ass throwing a tantrum like y’all the same age. #tantrum #babyonplane #travelingwithkids♬ original sound – bad_ideas_galore

O incidente ganhou repercussão na internet, gerando um debate sobre as ações do passageiro. Embora alguns tenham se solidarizado com sua frustração, muitos concordaram que sua explosão só piorou o problema. Críticos argumentaram que gritar mais alto que o bebê era contraproducente e que a situação foi mal administrada.

Alguns apoiaram o homem, sugerindo que os comissários de bordo poderiam ter feito mais para acalmar o bebê chorando. Eles alegaram que, embora a abordagem do homem fosse inadequada, seus sentimentos provavelmente refletiam os de outros passageiros.

LER MATERIA COMPLETA...
- jÁ participa do nossogrupo no facebook
Botão Voltar ao topo
Share via

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Send this to a friend