SaúdeUnhas

10 Sinais de doenças que as unhas transmitem

Como estão as suas unhas, parecem saudáveis? Saiba que, quando as unhas apresentam uma cor, formato ou uma textura diferente do normal, pode ser um alerta de que outra parte do seu corpo não está bem de saúde.

Veja, a seguir, 10 sinais de doenças que as unhas transmitem.

1. Unhas amareladas ou esbranquiçadas

As mulheres sabem que depois de remover esmaltes escuros é comum que as unhas fiquem amareladas.

Mas, elas podem apresentar essa cor por outros motivos, por isso é bom estar atento.

As unhas amareladas podem ser um indício de doenças pulmonares ou acúmulo de líquido linfático no organismo.

Já que as unhas estiverem esbranquiçadas, pode ser por causa de contato direto e excessivo com produtos químicos.

2. Sulcos horizontais

Se as unhas apresentam pequenas depressões ou ranhuras na horizontal, como linhas com sulcos, que dá para sentir leves ondinhas, pode ser o resultado de alguma batida forte.

Mas também pode ser um sintoma de doenças como sarampo, caxumba, diabetes descontrolada ou falta de zinco no organismo.

3. Pontos de hemorragia

Quando as unhas apresentam riscos com pontos escuros na parte de baixo pode ser que vasinhos tenham se rompido, causando pequenas hemorragias.

Mas, também pode ser sintoma de doenças como lúpus, psoríase ou problemas cardíacos.

4. Linhas brancas

É bem comum ver essas pequenas linhas brancas na horizontal das unhas.

Geralmente elas desaparecem conforme o crescimento das unhas. Mas, nem por isso deve-se ignorar.

Pode ser um sinal de baixos níveis de proteína ou doenças de fígado e rim.

As pessoas que fazem quimioterapia costumam apresentar essas linhas.

5. Unhas grossas

Além do motivo do envelhecimento, as unhas grossas costumam ser um sintoma de infecção por fungos, que é mais comum em pessoas que ficam horas com os pés úmidos ou caminham descalço e entram em contato com solo contaminado.

Algumas vezes pode ser um sinal de problemas de pressão.

6. Unhas quebradiças

Muita gente sofre com as unhas finas e fracas, que quebram por qualquer motivo.

Pode representar deficiência de vitaminas, problemas de tireoide, infecção fúngica ou contato excessivo com produtos químicos, inclusive esmaltes e removedores.

7. Unhas côncavas

Quando as unhas fazem uma curva para baixo, como uma colher, pode significar deficiência de ferro, doença do fígado, problemas hormonais por causa da tireoide, ou problemas do coração.

8. Unhas esféricas

Quando as pontas dos dedos ficam bem inchadas e as unhas ganham um formato esférico, de ser um sintoma de fibrose pulmonar, asbestose ou outro problema relacionado aos pulmões.

9. Leves depressões tipos furinhos

Pequenos buraquinhos nas unhas podem ser um sintoma de alopecia, psoríase ou artrite.

10. Linhas escuras

Quando a unha apresenta uma linha escura, seja fina ou espessa, que vai da base à ponta, pode ser um caso de melanoma, que é o câncer de pele mais perigoso.

O que fazer?

Se perceber qualquer um desses sinais nas suas unhas, o melhor a fazer é se consultar com um médico dermatologista.

Ele vai poder identificar o tipo de lesão e a quais doenças podem estar relacionada, de acordo com seu histórico de saúde, estilo de vida e outros sintomas que possa estar sentindo.

Vai pedir exames e identificar se, de fato, é algo que merece atenção e precisa de tratamento.

Se o problema for nas unhas dos pés e não puder consultar um dermatologista, pode também pedir auxílio de um podólogo.

LER MATERIA COMPLETA...

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Share via
Send this to a friend