FamososNoticias

Morreu hoje Jesus Sangalo, irmão da cantora Ivete Sangalo

Notícia triste! Morreu na manhã desta quinta-feira Jesus Sangalo, irmão da cantora baiana Ivete Sangalo. O empresário, que tinha 54 anos, estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Izabel, em Salvador, na Bahia.

Segundo o portal G1, a assessoria da unidade de saúde informou que o óbito foi atestado por volta das 10h. Ainda não há detalhes sobre as causas da morte.

Vale lembrar que o empresário enfrentava complicações médicas desde 2018, quando foi internado na UTI. Depois em agosto deste ano ele foi internado, depois recebeu alta, mas precisou ser internado novamente e ficou em coma induzido.

Jesus Sangalo também chegou a ser submetido a uma cirurgia de emergência devido a uma sepse abdominal. Em setembro, apresentou uma melhora e deixou a UTI.

Há cinco anos, Jesus Sangalo passou por uma cirurgia bariátrica e desde então ele enfrentou inúmeras complicações e internações.

Ainda em agosto deste ano, a cantora Ivete Sangalo chegou a fazer vários vídeos no Stories do Instagram para falar sobre o estado de saúde do irmão. “Eu queria agradecer pelas orações de vocês. Meu irmão já está bem, está evoluindo bastante, e a gente está muito feliz com isso. Agradeço a vocês pelo carinho e oração. Hoje foi um dia bem bom para todo mundo”, disse ela.

Até o momento a cantora e o restante da sua família ainda não se posicionaram sobre a morte de Jesus Sangalo.

Carreira

Jesus Sangalo chegou a comandar a banda de pagode ‘Fera Gorda’, na época em que Ivete fazia sucesso com a ‘Banda Eva’. Depois de sair da ‘Caco de Telha’, produtora da cantora baiana, o empresário se afastou do mundo da música e passou a se dedicar aos seus negócios pessoais. Jesus era dono de fazendas no interior da Bahia.

Em 2016 ele chegou a ser acusado de desviar dinheiro de uma empresa que ele era presidente, e o empresário negou a acusação.

“Se qualquer pessoa entrar na web, vai encontrar que eu dei um desfalque de alguns milhões reais na empresa que eu era o presidente. E eu não dei. Isso me prejudicou absurdamente. Não só profissionalmente, como psicologicamente. Foi terrível para mim. Terrível!”, disse na época.

LER MATERIA COMPLETA...

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Share via

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Send this to a friend